Baú das Dobraduras é um blog educacional com sugestões de origami e tangram para educadores e admiradores desta arte em papel. Iniciado em 2/1/2008.

quinta-feira, 31 de janeiro de 2008

Tangram 12: Peixes

~~~~~~~
Peixinhos
~~~~~~~



►▲◄►▲◄►▲◄►▲◄►▲◄
Organizado por Ivanise Meyer ®


Tangram 11: Casas

Casinhas
^^^^^^^^



Tangram 10: Árvores

Árvores

sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

Tangram: Mensagem pra você...


Gostou?
Deixe um recadinho pra mim...
♥ ♥ ♥
Próximas postagens:
figuras e
uma história pras crianças.
Tchau!
Ivanise :)

Tangram 9: Patos

Patinhos
~~~~~~~


♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥
Organizado por Ivanise Meyer ®

Tangram 8: Coelhos


Coelhinhos
~~~~~~~~


Podemos aproveitar para a Páscoa!

Tangram 7: Cachorros


" Cachorrinhos "



<>^<>^<>^<>^<>^<>^<>
Organizado por Ivanise Meyer ®

sábado, 19 de janeiro de 2008

Tangram 6: Pipas


♦ ♦ ♦ Brincando de pipa ♦ ♦ ♦

Tangram 5: Gatos

♥ ♥ ♥ Esses gatinhos são lindos! ♥ ♥ ♥


Organizado por Ivanise Meyer ®

Tangram 4: Alfabeto

Letras


sexta-feira, 18 de janeiro de 2008

Tangram 3: regras


Como se brinca?
1. Todas as 7 peças deverão ser usadas na formação de uma figura plana.
2. Não se pode sobrepor as peças.



Organizado por Ivanise Meyer ®

Tangram 2: Lenda

Conta uma lenda...

Um imperador chinês chamou um de seus melhores artistas e ordenou que saísse pelos seus domínios e retratasse as coisas mais belas que pudesse encontrar, levando apenas uma prancha quadrada.
* * *
Apesar da dificuldade proposta, lá foi o artista, China afora, para tentar cumpri-la. No caminho, ao atravessar um riacho, caiu, e a prancha quebrou em sete pedaços. Precisava reuni-las, e após muitas tentativas percebeu que, a cada uma delas, ao arrumar as peças, conseguia formar uma figura diferente.
* * *
Voltou rapidamente para mostrar aquela maravilha ao imperador, que ficou muito satisfeito com a possibilidade de retratar todas as coisas, usando apenas aquelas sete peças...


Assim é o Tangram, um quebra-cabeças formado por sete peças com formas geométricas bem conhecidas. Sua idade e inventor são desconhecidos.
Os chineses o conhecem por "Tch'i Tch'iao Pan", ou sete tábuas da habilidade. Enquanto a maioria dos quebra-cabeças são compostos por um grande número de peças, com formas complicadas e arrumadas em um único caminho, o Tangram, com apenas sete peças, permite uma extraordinária variedade de caminhos para compor as figuras.
Fonte: Gênova, A. Carlos. Brincando com Tangram e Origami. Ed. Global.

Tangram 1: Introdução

Tangram
~~~~~~~~~
Introdução
O Tangram é um antigo quebra-cabeças chinês cuja origem se remonta a uma época desconhecida. O livro mais antigo com figuras de tangram data de 1813.

Popular na China com os nomes de "quadrado mágico", "tabela da sabedoria" e "tabela da sagacidade", o tangram é composto por sete peças, as quais são o resultado da partição de um quadrado. As sete peças são: 2 triângulos grandes, 1 menor, 2 triângulos pequenos, 1 paralelogramo e 1 quadrado. Com esses simples elementos podem-se formar infinitas figuras.

É um passatempo para crianças e adultos, e além disso, o tangram possui notáveis possibilidades pedagógicas. Com as crianças pode ser utilizado para reconhecimentos da formas e dos significados e no ensino do aproveitamentos dos espaços. O tangram estimula o desenvolvimento da imaginação e de habilidades matemáticas.

Pode ser feito com as crianças em diversos materiais: papel, cartolina, emborrachado, etc. Também é comercializado em madeira pintada.

Fonte: Lee, Roger. Tangram. Ed. Isis.

Organizado por Ivanise Meyer ®

quinta-feira, 3 de janeiro de 2008

Diagrama: simbologia

"DIAGRAMA - SIMBOLOGIA"
Estes são símbolos que aparecem nos diagramas das dobraduras:
Eu comecei a fazer origami em 1992...

Minha diretora me inscreveu num curso para professores. Eu só sabia dobrar barquinho, balão e avião... A pessoa que me ensinou (prof.ª Maria João) era super paciente, levava uns cartazes com as etapas das peças. Havia até uma apostila com os diagramas, mas todos preferiam seguir as etapas pelos cartazes.
Foi assim que aprendi...
Eu montei diversos cartazes em folha dupla para guardar em fichário, depois conheci o Consulado do Japão aqui no Rio, comecei a consultar revistas e livros específicos.
O que facilitou meu desenvolvimento foi conhecer a simbologia, isto é, as convenções para se "ler" um diagrama.
Uso o origami nas minhas aulas com as crianças e para decorar minha sala.
Considero o origami uma arte.

Origami 10: Frutas

"FRUTAS"
Banana, abacaxi, pêra, morango e maçã.


Banana: quadrado, dobra no meio, dobra a pontinha até o meio e as pontinhas para dar o formato da banana. Vira e decora.
Pêra e abacaxi: a partir da forma básica da "casquinha".
Maçã: a partir da forma básica da "casquinha".
Morango: a partir da forma básica do "copo", vira e decora.

Origami 9: Bichinhos

"BICHINHOS"
Sapo, pato, coelho, caracol e peixe
~**~**~**~**~






Todos esses bichinhos foram dobrados a partir da forma básica da "casquinha".

Texto 3: Origami e a Criança

ORIGAMI E A CRIANÇA
~* ¨ * ¨ * ¨ *~

O origami não atende apenas ao caráter lúdico, mas ao fazer artístico, por permitir a criação, composição de cenas e figuras tridimensionais.
Desenvolve a percepção espacial, pois a criança percebe que as dobraduras em papel modificam o espaço bidimensional (plano).
O vocabulário utilizado permite a exploração das figuras geométricas pela criança em forma lúdica.

~ * ¨ * ¨ * ~

Curiosidades sobre o Origami

O autêntico origami não deve permitir o uso de cola, a menos que seja para compor uma dobradura acoplada, ou seja, unida pela parte da frente com a de trás de uma mesma figura. Ao se realizarem composições, portanto, é preferível que as partes sejam encaixadas, e não coladas.
O uso de tesouras nas figuras só é permitido para dar alguns piques. Não se devem cortar e jogar fora as partes que sobram, mas procurar encaixá-las, embuti-las ou dobrá-las para dentro.

O origami pode ser enriquecido em sua confecção com a arte do kirigami (kiri = cortar; kami = papel; kirigami = arte de cortar papel).

Origami 8: Maçã e espelho

"MAÇÃ E ESPELHO MÁGICO"

A partir da forma básica da "casquinha" você pode criar uma maçã e o espelho mágico da história "Branca de Neve".
Maçã: é a dobradura da árvore (até o passo 4) e um quadradinho verde dobrado ao meio para ser a folhinha.
Espelho: é a "casquinha". Dobras as duas pontas como está na figura acima. Opções: colar papel laminado para imitar um espelho, desenhar a imagem que aparece no espelho (da Branca de Neve, da madrasta, da criança, etc). Se quiser, pode colar um palito de churrasco forrado com papel crepom para ficar como um espelho com cabo pra segurar.

Origami 7: Margarida

"MARGARIDA"



Essa sugestão de flor serve para mural (colar ou desenhar o retrato da criança no centro), lembrancinha (dia das mães, primavera), pode colocar na horizontal e ser uma vitória-régia (só deixar as "pétalas" para cima).



Origami 6: Tulipa (flor)

"TULIPA"

A tulipa é uma flor bem conhecida pelos professores de Educação Infantil e Séries Iniciais. Trouxe algumas variações feitas a partir da tulipa para enriquecer diversos trabalhos como: composições, cartões, enfeites para mural, lembrancinhas e etc.




Como lembrancinha: cole uma tulipa em uma lixa de unhas (cabo da flor) e uma folhinha de papel verde recortado, ou um triângulo dobrado (imitando a folha).



quarta-feira, 2 de janeiro de 2008

Origami 5: Casa e árvore

"CASA E ÁRVORE"
Composição de cena usando as dobraduras da casa e da árvore.

Diagrama da casa: criação de K. Kasahara


Casa com telhado duplo.



Diagrama da árvore (minha árvore vai até o passo 4).
Os demais passos servem para "arredondar" a figura,
que é um recurso muito usado no origami.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...